Futebol

Marquinhos ‘fura fila’ no Fluminense e recebe elogios de Fernando Diniz

Foto: Lucas Merçon/Fluminense

Marquinhos foi o responsável do gol de empate do Fluminense diante do Alianza Lima

Com oito desfalques em quase todos os setores do time, Fernando Diniz decidiu transfixar espaço para um dos seus reforços para esta temporada. Assim, Marquinhos, que levou a melhor na disputa com Douglas Costa e foi titular no empate com o Alianza Lima por 1 a 1, no Peru. Mais que isso, o atacante de, 1,75 m, se movimentou muito e marcou o gol que deixou tudo igual, de cabeça.

Antes da Data Fifa, o jogador aparecia unicamente uma vez que a terceira opção para o sistema ofensivo, detrás do titular Keno e de Douglas Costa. Na semifinal do Carioca, diante do Flamengo, chegou a atuar uma vez que lateral, porém começa a despontar uma vez que boa opção no ataque. Essa polivalência também labareda a atenção de Fernando Diniz para a sequência da temporada.

Na disputa com Douglas Costa, Marquinhos levou a melhor desta vez também pela capacidade de recomposição e juventude. Outro ponto importante, aliás, é que o camisa 90 voltou recentemente de lesão e, por opção de Diniz, ficou uma vez que opção no banco e entrou no segundo tempo.

“Estou muito feliz. Estava trabalhando para isso. Feliz por fazer o primeiro gol com essa camisa e seguir ajudando cada vez mais o Fluminense. […] Desde o primeiro contato, ele (Fernando Diniz) deixou evidente que eu tinha características para atuar em outras posições. Isso é bom porque aprendi a atuar em diversas partes do campo. Estou muito feliz de estar cá e trabalhando com o Diniz”, disse.

Elogios do comandante

Na coletiva de prensa, Fernando Diniz elogiou o posicionamento e percepção do atacante na superfície, ao permanecer sozinho e toscanejar para o fundo da rede. Quando o Fluminense passava por aperto e corria risco de voltar para morada sem pontuar, o jogador fez o gol salvador.

“Foi uma percepção do Marquinhos. Estava muito muito no jogo. Estava com crédito e percebeu o espaço. No fundo o interceptação era mais direcionado para o Lelê do que para ele. E o Lelê atrai a marcação e ele acaba entrando no espaço e fazendo o gol”, analisou.

Dessa forma, o Tricolor volta a campo pela competição internacional na próxima terça-feira (9), às 21h, no Maracanã. Por término, o justador é o Pescoço Pescoço, que estreou com vitória simples sobre o Cerro Porteño. O time chileno é o líder do Grupo A depois a primeira rodada.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook
.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios