Futebol

‘Podíamos ter virado com 3 a 0’

Foto: Lucas Merçon/FFC

Diniz valoriza primeiro tempo da equipe na estreia do Brasileirão: ‘Podíamos ter virado com 3 a 0’

O técnico Fernando Diniz concedeu entrevista coletiva depois o empate por 2 a 2 na estreia do Brasileirão. O técnico tratou de explicar o resultado, que teve um primeiro tempo de bom desempenho e uma segunda lanço que deixou a desejar, principalmente na secção defensiva.

– A gente jogou muito o primeiro tempo, tivemos um grave aproveitamento na questão de fazer gols, pois podíamos ter virado com 2, 3 a 0 o jogo. E a gente fez um gol no final do segundo tempo, e o ponto negativo foi voltar, depois de 5 minutos a gente ter sofrido 2 gols – disse Diniz, que ainda explicou os gols tomados por globo aérea:

– A solução mais fácil é falar que estava jogando sem zagueiro, mas não é assim. O segundo até justifica estar sem o zagueiro, que talvez, pudesse ter sido evitado. Mas, tem um monte de coisa inverídico que a gente fez. No primeiro gol do Bragantino era um lateral nosso. A gente cobrou o lateral sem sentido nenhum e perdemos a globo e fez a falta. E no segundo gol, a gente faz uma inversão desnecessária e morosidade para reconstituir o time. A dimensão fica mal preenchida, dois zagueiros para dois atacantes e o face fez o gol. Portanto, não acredito a falta de zagueiro.

O técnico novamente optou por realizar a mudança tática de retirar um volante para atuar uma vez que zagueiro na equipe, e Fernando Diniz explicou essa opção que vem se tornando cotidiana nos jogos do Fluminense.

– É uma escolha pro time ter mais chances de lucrar o jogo. E a gente fez isso inúmeras vezes ano pretérito, puxando mais o André do que o Martinelli para a zaga. Mas, o Martinelli tem um pouco mais de fundura e jogo desatento. Não enxergo o time uma vez que setor só, a gente irregularidade no sistema defensivo quando a gente tá marcando. O melhor momento que a gente mais marcou foi quando tivemos André e Martinelli na zaga – explicou o técnico, que por termo defendeu o meio-campo Lima, que marcou os dois gols do time, mas que vem sendo criticado pela torcida:

– Lima é o jogador que mais atuou pelo Fluminense desde quando ele foi contratado. E na imensa maioria das vezes correspondendo e ajudando o Fluminense. É um jogador inteligente, de técnica refinada, de muita mobilidade e para jogar de ‘8’ ele desempenha muito muito. Só ver a quantidade de gols e assistências que ele tem. Portanto acho que a gente tem muito lucro quando o Lima entra no time e espero que a torcida olhe ele com olhos diferentes.


Agora, o Fluminense não tem muito tempo para pensar neste resultado, já que, volta a campo na próxima terça-feira (16) às 21:30 para enfrentar o Bahia, fora de mansão, para conseguir sua primeira vitória no Brasileirão.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios