Notícias

Israel pensou em resposta rápida ao Irã mas desistiu (imprensa)

Leo Correa

(Registro) O premier de Israel, Benjamin Netanyahu

Leo Correa

Israel pensou em responder rapidamente com bombardeios ao ataque iraniano do último termo de semana contra o seu território, mas desistiu, indicaram na noite desta quarta-feira (17) as imprensas israelense e americana.

Segundo a rede pública israelense Kan, o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu decidiu não executar os planos pré-aprovados de bombardeios em caso de ataque, posteriormente uma conversa com o presidente americano, Joe Biden. “As sensibilidades diplomáticas entraram em jogo. Haverá uma resposta, mas será dissemelhante do previsto”, informou um funcionário do cimo escalão.

Fontes de Israel disseram ao site de notícias americano Axios que o gabinete de guerra discutiu a teoria de confirmar os ataques em reunião na última segunda-feira. “Não sabemos por que nem o quão iminente era o ataque”, informou um funcionário americano, que não quis ser identificado.

Segundo o site, Israel informou ao governo Biden na última segunda-feira sua decisão de esperar. A rede americana americana ABC revelou que o governo israelense considerou por duas vezes responder ao Irã, mas não passou à ação.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios