Notícias

Idosa acusa loja de enganá-la ao cobrar 10 mil dólares após compra

Reprodução

Caso com idosa aconteceu no Shopping Katy Mills Mall, no Texas

Na tarde de 1º de abril, uma visitante rotineira ao Katy Mills Mall, em Houston, tornou-se uma experiência angustiante para a mãe de Trey Fleming, de 79 anos. O que era para ser uma compra simples de sapatos acabou se transformando em uma despesa inesperada de quase US$ 10.000 em produtos cosméticos e procedimentos de venustidade.

De conciliação com relatos do site Usa Today, a idosa parou em um quiosque no shopping para pedir informações, mas foi rapidamente envolvida em uma apresentação de produtos cosméticos por vendedores.

Em seguida ser convencida a fazer um tratamento facial “gratuito”, ela acabou adquirindo uma série de produtos caros, esvaziando suas contas bancárias.

A invenção das despesas excessivas ocorreu quando Trey Fleming verificou as contas de sua mãe, encontrando-as completamente vazias. A mãe de Fleming, uma assistente social aposentada, ficou chocada ao saber dos gastos exorbitantes realizados sem o seu conhecimento.

Diante dessa situação, Fleming tomou medidas imediatas, contestando as cobranças junto ao banco e confrontando os vendedores do salão de venustidade. No entanto, a loja se recusou a reembolsar o valor totalidade, oferecendo somente a troca dos produtos adquiridos.

Para buscar justiça, a família de Fleming recorreu às redes sociais, utilizando a plataforma Nextdoor para aumentar a pressão sobre o shopping e o salão de venustidade. Essa ação resultou no reembolso totalidade dos US$ 9.600 gastos, embora a mãe de Fleming tenha encurvado com custos adicionais de US$ 300.

Além do reembolso, a família decidiu registrar uma queixa de consumidor junto à Procuradoria Universal do Texas, destacando a vulnerabilidade dos idosos a táticas de vendas agressivas e o impacto negativo dessas práticas em sua segurança financeira.

Quer permanecer por dentro das principais notícias do dia? Clique cá e faça segmento do nosso conduto no WhatsApp

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios