ECONOMIA

Melhor ataque da última edição, Fortaleza quer repetir campanha histórica na Sul-Americana – Jogada

O Fortaleza, atual vice-campeão da Despensa Sul-Americana, procura repetir a histórica campanha do último ano, mas, desta vez, com um final feliz. Para isso, o tricolor — que fará sua estreia contra o Sportivo Trinidense, do Paraguai, nesta quarta-feira (3) — terá que repetir uma campanha tão boa quanto a última.

Na edição de 2023, o Fortaleza foi o melhor ataque da competição — tendo sido o quinto ataque que mais finalizou (163 chutes totais) e o que mais marcou (28 gols). O clube ainda conquistou nove vitórias, em 13 jogos disputados, e perdeu unicamente uma partida, para o Estudiantes de Mérida, da Venezuela, ainda na tempo de grupos. 

Além do ótimo ataque, o Leão, que atualmente está em 78º posto no ranking da CONMEBOL, teve um ótimo desempenho em seu sistema defensivo, obtendo quatro partidas sem tolerar gols e sofrendo, unicamente, 10 gols durante toda a campanha. 

Somando-se ao paisagem esportivo, o Fortaleza também conquistou grandes cifras por seu desempenho. Ao todo, o tricolor arrecadou US$ 6.216,040,52 (R$ 31.386.031,79 na cotação atual), sendo adquiridos através de: arrecadação por bilheteria, recta de participação e prêmio por préstimo esportivo.

VEJA DADOS DO FORTALEZA NA ÚLTIMA SULA

CAMPANHA

  • Retrospecto: 9 vitórias / 3 empates / 1 derrotas
  • Disciplina: 31 cartões amarelos / 1 cartão vermelho
  • Média de idade: 25 anos

DESTAQUE OFENSIVO

  • Time que mais fez gols (28 gols), tendo sido 18 com esfera rolando e 10 de esfera paragem;
  • Quinto time que mais finalizou (163 chutes totais)

TOP 5 – ARTILHEIROS

  • Guilherme com 4 gols
  • Yago Pikachu com 3 gols
  • Juan Lucero com 3 gols
  • Zé Welison com 3 gols
  • Tomás Pochettino com 3 gols

TOP 5 – FINALIZAÇÕES

  • Yago Pikachu com 28 finalizações
  • Zé Welison com 21 finalizações
  • Tomás Pochettino com 15 finalizações
  • Thiago Galhardo com 14 finalizações
  • Guilherme com 13 finalizações

POSSE DE BOLA

  • Média: 47% 
  • Posse de esfera vencendo: 42% 
  • Posse de esfera empatando ou perdendo: 51%

ARRECADAÇÃO TOTAL

  • Arrecadação por bilheteria: US$ 866.040,52
  • Recta de participação recebido: US$ 4.850.000,00
  • Prêmio por préstimo esportivo recebido: US$ 500.000,00
  • Totalidade arrecadado na temporada: US$ 6.216.040,52

*Sob supervisão do editor João Bandeira Neto.



Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios